Fajã D'Além



A Fajã de Além situa-se na costa Sul da ilha de São Jorge, entre a Fajã de São João e a Fajã do Ginjal e pertence à freguesia da Ribeira Seca, Concelho da Calheta.

No cimo da falésia a que se encontra sobranceira esta fajã, encontra-se a freguesia do Norte Grande e a localidade de Santo António, sendo esta última a segunda localidade mais alta da ilha de S. Jorge, depois do Toledo, sendo que esta última é também a localidade habitada mais alta dos Açores.

Para lá se chegar é preciso atravessar um estreito caminho, que no qual existem vários miradouros para a fajã e também algumas pequenas fontes.

Aí existem algumas casas, mas nenhuma destas actualmente é habitada permanentemente, sendo mais habitadas durante o fim de semana, e também para o cultivo da vinha e apanha dos inhames, os seus terrenos são cultivados pelos habitantes da fajã de São João. As principais culturas são milho, vinha, couve, cebola, abóbora, batata doce e da terra. As árvores de fruto que mais se vêem são a nespereira, a anona ou coração de negro, como aqui são camandos, ginjeira, a figueira e a bananeira.

Possui um fio de lenha, que no qual antigamente se fazia o transporte da lenha de sítios mais altos para a fajã e que actualmente é utilizado para os poucos habitantes da fajã fazerem o transporte de alguns bens.

Esta fajã é inacessível a qualquer tipo de veículo motorizado, sendo que os burros e cavalos são os unicos métodos de transporte de bens para a fajã por terra. além destes meios de transporte, o mesmo também, por vezes é feito por barco, mas devido às condições do mar naquela zona é um pouco arriscado em certas alturas do ano.

2 comentários: