Minibiblioteca no jardim de Angra

©Diário Insular

A Câmara Municipal de Angra do Heroísmo inaugurou no mês de Março, no Jardim Duque da Terceira, uma pequena biblioteca onde os visitantes daquele espaço verde da cidade podem trocar livros.
Trata-se de uma iniciativa integrada no movimento internacional "Little Free Library" que implica a troca de livros, ou seja, qualquer pessoa poderá levantar um livro da biblioteca desde que deixe lá outro em substituição.
A vereadora da Câmara Municipal de Angra do Heroísmo, Raquel Caetano Ferreira, disse que a criação da biblioteca surge no âmbito das atividades que têm em vista a dinamização do Jardim Duque da Terceira.
"Esta iniciativa pretende incentivar as pessoas que vistam este jardim para a leitura", afirmou.
Até à década de 80 do século passado, o Jardim Duque da Terceira dispôs de uma biblioteca com centenas de livros e revistas que contribuiu para que muitos terceirenses cultivassem, diariamente, o hábito de leitura, não só no edifício, como em toda a área do primeiro piso daquela zona verde. 
Por outro lado, Raquel Caetano Ferreira referiu que estão a ser elaborados os projetos de arquitetura de especialidade para a ampliação do Jardim Duque da Terceira.
O projeto prevê o aproveitamento de cerca de 11 mil metros quadrados, na antiga zona de plantação de bananeiras e do primitivo Castelo de São Luís (a primeira fortificação dos Açores). Para além da criação de áreas de vegetação diferentes da que existem no atual espaço do jardim de Angra do Heroísmo, o projeto prevê a criação de um espaço com palco para espetáculos.
Após a inauguração da pequena biblioteca, teve lugar, no Jardim Duque da Terceira, uma sessão da iniciativa a "hora do conto" para crianças de um Ateliê de Tempos Livres (ATL).


Fonte: Diário Insular

Sem comentários:

Publicar um comentário