A ilha Maldita - José Sabino Luís

Nova Obra de José Sabino Luis o Romance "A Ilha Maldita" encontra-se disponível para venda no Centro Multimédia/Quiosque de Turismo de São Roque do Pico. 


"Os telejornais faziam eco da situação da ilha que, sendo verdejante e paradisíaca, se tornara maldita, mas a maldição agudizou-se: começaram a aparecer peixes mortos à volta de toda a ilha e as aves marinhas debandaram. As crónicas do jornalista tornaram-se violentas. O sofrimento das pessoas estava a magoá-lo sobremaneira. Só encontrava algum lenitivo quando, noite dentro, ele e Celestre trocavam vidas, fechado que estava o restaurante, que pouco movimento tinha, e na residencial, havia também poucos clientes, apenas as pessoas que, por algum motivo, se ficaram pela cidade que as instituições, com muitas deficiências embora, continuavam de portas abertas. Havia muito tempo, que não chegava nenhum novo cliente, nem sequer aqueles que, por negócios, ou saudades, vinham regularmente à ilha."

José Sabino Luís

José Sabino Luís nasceu a 15 de Abril de 19949, na Ribeira Seca, concelho da Calheta, na ilha de São Jorge. Foi professor de matemática nos seguintes estabelecimentos: Escola preparatória de São Roque do Pico, Externato do Ensino Liceal Particular da Madalena, Escola preparatória da Horta, Escola Secundária de São Roque do Pico e Escola Secundária Geral e Básica Cardeal Costa Nunes. Está aposentado desde 1999.
Frequentou o curso de Organização e Gestão de Empresas na Universidade do Açores e no ISCTE (Instituto Superior Ciências do Trabalho e Empresa).
Utilizou ao longo da sua carreira os seguintes pseudónimos: José Fernandes da Silva, Vasco Ávila, Luís Quaresma, Mário Fernandes, Marcel, Amoroso, Óscar Luís, José Ilhéu, entre outros.

Andreia Goulart

Sem comentários:

Publicar um comentário