Batalha do Pico Seleiro

Ao entardecer do dia 4 de Outubro de 1828, deu-se aqui, próximo do Pico Velho, do lado esquerdo da ladeira denominada Pico do Seleiro, o mais importante confronto entre as milícias realistas (como então se designavam os absolutistas) e liberais.
As forças partidárias de D. Miguel, reunidas na vila da Praia, comandadas pelo morgado Joaquim de Almeida e pelo capitão de linha João Moniz Corte-Real, eram em número superior a 4.000 homens (embora mal armados e sem artilharia) e confrontaram-se neste sítio com cerca de 200 homens do Batalhão de Caçadores nº5, comandados pelo coronel José António da Sila Torres (apoiados por peças de campanha).
O combate durou uma hora e meia; flanqueados por um grupo de liberais, os milicianos miguelistas, sentindo-se derrotados, acabaram por debandar em direcção à Terra-Chã, Biscoitos e Altares, sendo perseguidos durante a noite.

Sem comentários:

Publicar um comentário