Festas Sanjoaninas assinalam 180 anos do nome Heroísmo atribuído à cidade de Angra

As festas Sanjoaninas, que decorrem desde a passada quinta-feira, 22 de junho até ao dia 2 de julho, em Angra do Heroísmo assinalam os 180 anos da atribuição da Grã-Cruz da Torre e Espada e do nome Heroísmo à cidade.
"Esta atribuição deve-se ao apoio que a cidade de Angra e a população da ilha [Terceira] deu à causa liberal", avançou Paula Ferreira, guia turística.
Foi de Angra que partiu D. Pedro IV, com o seu exército, para o desembarque no Mindelo, que permitiu aos liberais tomar a cidade do Porto.
A 12 de janeiro de 1837, a Rainha D. Maria II reconheceu o papel da população de Angra na vitória do liberalismo, na guerra civil portuguesa, atribuindo a Grã-Cruz da Torre e Espada e o título de "Sempre Constante" à cidade, por carta régia, e ordenando que se denominasse daí em diante de Angra do Heroísmo.
Angra já tinha o título de "Mui Nobre e Leal", atribuído na sequência do apoio a D. António e às lutas contra o domínio espanhol.
A cidade foi a primeira do país a ser distinguida com a Grã-Cruz da Torre e Espada e a única durante uma monarquia.
Este ano, as festas concelhias, que comemoram o São João, assinalam a efeméride, tendo como tema "Muito Nobre, Leal e Sempre Constante Cidade de Angra do Heroísmo", que deu mote para o cortejo de abertura das Sanjoaninas.
Já no ano passado, a autarquia optou por associar as festas Sanjoaninas a uma efeméride, recordando os 250 anos da instalação da Capitania Geral na cidade, que foi na altura capital dos Açores.
Durante 11 dias, Angra do Heroísmo celebra o São João com cortejos, marchas populares, espetáculos musicais, exposições, artesanato, gastronomia, tauromaquia e atividades desportivas, entre outras.
Este ano, as Sanjoaninas batem um novo recorde de marchas populares, com 41 grupos a desfilarem nas principais ruas da cidade, divididos por duas noites.
"Temos marchas a virem de São Jorge, do Faial, do Pico, de São Miguel, do Funchal e há realmente este gosto e esta vontade de vir a estas festas", salientou a vereadora.
Pelo palco principal têm passado, este ano, Rui Veloso, Mariza, Amor Electro, Richie Campbell, HMB, The Black Mamba, Master Jake e April Ivy, entre outros artistas.









Fonte:http://www.acorianooriental.pt/noticia/festas-sanjoaninas-assinalam-180-anos-do-nome-heroismo-atribuido-a-cidade-de-angra

Patrícia Machado

Sem comentários:

Publicar um comentário