Revista australiana destaca turismo dos Açores

A edição australiana da revista National Geographic destaca os Açores como um “paraíso europeu distante” e “pioneiro no turismo sustentável”.
Num artigo publicado no site online da National Geographic Austrália, os Açores são descritos como “uma sequência de nove ilhas vulcânicas, no meio do Oceano Atlântico, que repousam na interceção das placas tectónicas euro-asiáticas, africanas e norte-americanas”.
Região do “solarengo Portugal”, o arquipélago é também destacado pelo pioneirismo no turismo sustentável e pela robusta cultura de ar livre.
“O arquipélago é considerado um dos destinos mais verdes do mundo, protegendo não apenas as maravilhas naturais, mas também um modo de vida (vinho, mel, ananás e vários queijos possuem denominação protegida)”, é descrito num artigo, que convida os visitantes a “mergulhar os dedos dos pés nas águas quentes dos Açores e a descobrir o paraíso nestas ilhas”.

Assim, ao longo do artigo, são descritas seis das nove ilhas do arquipélago e as suas particularidades.
Na Terceira é destacada a arquitetura e a espeleologia, sendo realçado que em Angra do Heroísmo até as calçadas são obras de arte.
Vulcões, baleias e vinho são os encantos atribuídos à ilha do Pico, onde a publicação australiana afirma que a subida até ao ponto mais elevado de Portugal é o passeio mais desafiante do arquipélago.
Da ilha de  São Jorge são destacados o queijo e as caminhadas; das Flores a vegetação, as caminhadas e as quedas de água; e do Faial a vela e os vulcões.
Fonte: http://www.ccah.eu
Adriana Teixeira

Sem comentários:

Publicar um comentário